Cinco Conselhos Pra Viajar O Mundo Com Insuficiente Dinheiro (ou Quase Sem custo)


Seis Dicas De que forma Fazer Networking Em Eventos


Foi-se o tempo em que a publicação e o envolvimento nas mídias sociais podiam ficar nas mãos de um estagiário, como ocorria com inúmeras outras funções de mídias sociais antigamente. As corporações inovadoras de hoje necessitam de uma equipe pra idealizar, elaborar, divulgar e promover o assunto de mídias sociais e conduzir a retornos de investimento significativos: isso requer tempo, empenho e criatividade. Os profissionais de marketing estão percebendo isso e dedicando mais tempo, recursos e funcionários às mídias sociais. No relatório Estado do Inbound de 2017, mais profissionais de marketing admitiram ter planejado absorver canais sociais como Facebook, Instagram e YouTube em tuas iniciativas de marketing em comparação com o ano anterior.


Neste local pela HubSpot, estamos periodicamente avaliando e mudando a forma de montar tema nas mídias sociais pra adaptá-lo ao jeito como as pessoas querem se manter conectadas. A nossa estratégia acompanha a prosperidade das preferências de assunto de redes sociais de nosso público. Pela nossa busca, cerca de metade dos membros informaram que querem enxergar mais assunto de mídias sociais, sobretudo mais videos. Portanto, fizemos alguns experimentos pra perceber melhor o que o público quer ver, como quer se envolver e onde quer interagir nas redes sociais.


Temos estratégias, processos e resultados para compartilhar e que são capazes de ser uma base pra sua estratégia, todavia nosso melhor conselho pra equipes de redes sociais de qualquer tamanho é testar sempre. O espaço das redes sociais muda muito a cada mês; deste jeito; além de ser essencial encontrar o que tem êxito, bem como é fundamental permanecer ágil pra experienciar recentes coisas a todo o momento que possível. As redes sociais mudaram. Essa pode ser a frase mais vaga de todos os tempos, mas prestem atenção.


Como porção de nossa estratégia anterior para mídias sociais, nossos posts eram conectados aos objetivos de criação de leads, e a maioria deles tinha um potente vínculo com nossa marca e com a promoção de nosso conteúdo. Agora nós saímos do assunto para colocar o comprador pela mira do nosso tema. Precisávamos de uma reestruturação e tivemos que recordar que nosso público era formado de pessoas, como nós.


Se nós não queríamos visualizar um definido assunto no nosso feed de notícias do Facebook, por que o público haveria de almejar? Queríamos testar o efeito de concentrar nosso conteúdo no público: no que ele quer estudar, quais são os objetivos dele e até os desafios que enfrentam. Em resumo, queríamos ser mais sociais e menos promocionais.


Não estamos sugerindo desconsiderar completamente o compartilhamento de tema do web site ou e-books nas mídias sociais. No fim de contas, é difícil ter ideias recentes pra fazer vídeos para redes sociais diariamente da semana. Estamos apenas falando que você não necessita postar um hiperlink pra um post de blog ou e-book no Facebook e encontrar que é bastante. Inspire-se pelas ideias e pontos importantes e dê um novo objetivo pra teu tema em filmes para o Facebook, álbuns do Instagram ou histórias do Snapchat. Você ainda pode usar as ideias boas, contudo elas devem montar tema nativo das mídia sociais que tenha mais a enxergar com a mídia. Se sua estratégia atual pra redes sociais for parecida como a nossa anterior, voltada pra nós mesmos, não se preocupe: veja a seguir como mudamos as coisas.

  • Crie pautas semanais
  • sete Semiótic Landscape Wild
  • Avaliação especializada
  • 2 Agradecimento do SoulSlave

Examinamos nosso público e descobrimos com o que eles se envolviam na nossa estratégia anterior pra mídias sociais. Depois fizemos uma pesquisa com as redes sociais e os cenários digitais mais amplos. Criamos uma relação de focos e títulos que acreditávamos que seriam bem aceitos através do nosso público (mais voltado para estilo de vida e cultura) e logo começamos a formar tema. Depois, começamos a falar a respeito de temas culturalmente consideráveis e conhecidos e vimos como podíamos apresentá-los de um jeito criativo que fizesse significado pra esse público e seu mundo.


Nosso público é constituído de profissionais de marketing e vendas que querem aprender como desenvolver-se e se sair bem em seus trabalhos. Passamos de uma média de 50.000 visualizações de vídeo por mês para um milhão de visualizações no nosso primeiro mês com esse experimento. Nossa taxa de envolvimento bem como aumentou quando o público passou a se identificar com nosso tema, iniciando a curtir, comentar ou compartilhar os artigos. Um salto e tanto, não é?


Quando você começa a avaliar como gerar mais curtidas, comentários e compartilhamentos de seu público do Facebook, pense em como você utiliza a plataforma. Talvez você não se interesse em tão alto grau em criar este artigo um artigo altamente específico pra uma marca ou corporação, entretanto se envolva com um altamente considerável por ti, certo?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *